Por: Cleiton Bonatto

Prevenções que devem ser tomadas com os alimentos na praia

19 Janeiro 2018 09:44:00

Foi um prazer ter essa conversa com a nutricionista Paula Louzada tirou todas as dúvidas

Estive presente no consultório da nutricionista Paula Louzada, para uma conversa sobre as prevenções que se deve ter com alimentos na praia, em meio desta conversa tirei algumas dúvidas.

Como os veranistas podem se prevenir com os alimentos na praia?

Segundo Paula, "mais importante é sempre prestar bem atenção como esse alimento está armazenado, ele tem que estar bem armazenado para gente consumir um alimento seguro ele tem que estar em um recipiente térmico com gelo,por exemplo uma salada de frutas que tem bastante na beira da praia se tiver dento de uma caixa de isopor com gelo tem um pouco mais de garantia de que está bem armazenado, nós temos que estar sempre prestando atenção ao armazenamento do produto, isso é o mais importante, a temperatura e se está bem armazenado."

Quais os cuidados que se deve ter em comer frituras na praia?

Segundo Paula, "O cuidado com a fritura é um pouco mais específico porque é um alimento que foi frito, e o grande problema que eu vejo na praia é que eles não são corretamente armazenados para podermos compra-lo, porque o ideal seria que esse produto fosse armazenado sobre temperatura de 60°c, por exemplo, jamais atingirá essa temperatura na beira da praia porque normalmente é carregado dentro de uma cestinha fazendo do que comprometa a qualidade do produto e estes alimentos fritos contem dentro carne, queijo,presunto, ovo, que são alimentos que podem nos trazer alguns problemas como diária, vomito. Então volta a questão da temperatura, nós estamos no verão é a temperatura que as bactérias mais se desenvolvem então o armazenamento com temperatura é o mais importante para gente tomar cuidado neste tipo de alimentação fora de casa, porque dificilmente esse alimento vai estar armazenado corretamente, e deveria estar a baixo de 5°c ou acima de 60°c para estar bem armazenado para as bactérias não se desenvolverem, e não é o caso de nem um destes produtos que estão sendo vendidos na beira da praia."

Qual o principal risco de consumir alimentos na beira da praia?

  Paula fala que: "O principal risco é de estar fora da temperatura adequada e de que quando for consumido esse alimento que está em temperatura ambiente as bactérias se desenvolvem e se proliferam causando o risco de contrair uma bactéria desse alimento. Por isso a importância de estar atento a qualquer sinal como: diarreia."

Que tipo de alimento é mais indicado a levar para praia, e como levar:

É indicado levar frutas da época como, maçãs, peras, uvas, abacaxi entre outras, sempre bem armazenado dentro de um recipiente bem fechado ou uma caixa térmica com gelo.

Quando uma pessoa tiver uma intoxicação alimentar o que fazer?

 Paula explica," A princípio procurar o posto de saúde do município para primeiros atendimentos para saber que tratamento fazer.

E em casa o que vamos fazer para diminuir esses sintomas?

 Porque intoxicação alimentar geralmente nos traz diarreia e vomito então nós passamos a comer alimentos mais leves, tomar bastante água que é fundamental pois estamos perdendo bastante liquido nesta questão, e cortar frituras que deixa os sintomas piores e comer mais furtas, sopa com esse calor é um pouco ruim, a questão é de fazer alimentos sem muita gordura, e fazer uma comida em casa é mais indicado."

Foi um prazer ter essa conversa com a nutricionista Paula Louzada tirou todas as dúvidas, e lembre-se sempre tome cuidado com o que você vai consumir, preste atenção na forma que o alimento está armazenado.









COLUNAS

15332367368140.png
10425380_730192967078942_6946628688720160808_n.jpg

Endereço: Rua Nereu Ramos, 109 - Sala 01 - Centro - Passo de Torres - SC - Brasil
Atendimento: De segunda a sexta-feira | Das 8 às 18 horas
Facebook: Jornal Nortesul | Redação 48 3548-0108 contato@jornalnortesul.com WhatsApp:  9.9965-2523
Comercial | Classificados | Assinaturas 48 99660-1500 financeiro@jornalnortesul.com