Coronavírus

São Paulo tem uma morte a cada hora por coronavírus

De ontem para hoje, o estado registrou 23 mortes por covid-19

Agência Brasil/Por Maria das Graças
Foto: Marcello casal Jr/Agência Brasil

De ontem para hoje (31), o estado de São Paulo registrou 23 mortes em decorrência de complicações relacionadas ao coronavírus - praticamente, uma morte por hora devido à covid-19. Esse foi o maior número de mortes já registrado no estado em apenas um dia.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, entre os mortos, há 13 mulheres e 10 homens. Entre as vítimas femininas havia duas adultas de 42 e 54 anos, com comorbidades. As demais mulheres tinham idade igual ou superior a 65 anos. Entre os homens, havia uma vítima de 43 anos, também com comorbidades. Os demais tinham idade igual ou superior a 63 anos.

Até este momento, São Paulo contabiliza 136 óbitos relacionados ao novo coronavírus. A maior parte das mortes ocorreu na capital paulista, mas houve registro também em outras 12 cidades. O estado tem 2.339 casos confirmados de coronavírus, número 54% superior ao que foi registrado ontem.

Policial

A Polícia Militar de São Paulo confirmou hoje a morte da sargento Magali Garcia, que tinha 46 anos e trabalhava no Centro de Operações da Polícia Militar (Copom). Segundo a Polícia Militar, Magali teve diagnóstico confirmado para coronavírus e não tinha comorbidade, mas era ex-fumante.

Este foi o primeiro caso confirmado de morte por covid-19 na PM de São Paulo. Mas há um outro caso sendo investigado, a morte de um veterano da PM de 75 anos, cujo resultado de exame ainda é aguardado.

Matéria alterada às 19h23 para acréscimo da informação sobre morte da sargento Magali Garcia



Rede Nortesul de Comunicações Ltda. - CNPJ 09.284.014/0001-59
Contato (48) 3548-0108 (Whatsapp) - E-mail: contato@jornalnortesul.com